Análise do discurso, esfera superior e porta-voz

Dominique Maingueneau

Resumen


Neste artigo, buscamos refletir como o analista do discurso pode abordar a questão da desigualdade discursiva, ou seja, a impossibilidade – ou, ao menos, a dificuldade – de alguns indivíduos ou algumas categorias de indivíduos em acessar ao que chamarei de a esfera superior da fala, que reúne as atividades discursivas que possuem autoridade. Para tanto, perscrutamos as categorias discursivas de porta-voz – “porte-parole” e de representante - “porte-voix”, enquanto modalidades específicas de delegação de fala dos atores sociais. São analisados alguns fatos discursivos relativos à sociedade francesa, buscando mostrar a produtividade de tais categorias para o tratamento da desigualdade discursiva.

Palabras clave


Discurso, desigualdade discursiva, porta-voz.

Texto completo:

PDF (Português)


DOI: http://dx.doi.org/10.35956/v.20.n1.2020.p.120-135



Copyright (c) 2020 Dominique Maingueneau

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Revista Latinoamericana de Estudios del Discurso 
Una publicación de la Asociación Latinoamericana de Estudios del Discurso (ALED)
 
Revista Latino-Americana de Estudos do Discurso
Uma publicação da Associação Latino-Americana de Estudos do Discurso (ALED)
 
revista.raled@gmail.com  
 
e-ISSN2447-9543

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.